James Cameron em Manaus em 2010, durante o Fórum Internacional sobre Sustentabilidade da Amazônia

James Cameron em Manaus em 2010, durante o Fórum Internacional sobre Sustentabilidade da Amazônia

08/03/2012 - 17h11

Diretor James Cameron tentará chegar sozinho ao ponto mais profundo do planeta

Em um caso da vida imitando a arte, James Cameron tentará uma façanha digna de seu filme de ficção científica "O Segredo do Abismo" (1989): atingir o ponto mais profundo do planeta. O director de “Avatar” e “Titanic” vai mergulhar na Fossa das Marianas no Oceano Pacífico em um submarino experimental e tentar chegar a mais de onze quilômetros de profundidade.

A tentativa faz parte do Deepsea Challenge, um projeto científico fundado por Cameron, a National Geographic Society e a Rolex com o objetivo de “conduzir pesquisa em grandes profundidades e expandir o nosso conhecimento sobre essas partes ainda desconhecidas de nosso planeta.”

“Essas fossas submarinas são as últimas fronteiras inabitadas de nosso planeta,” disse Cameron em um texto divulgado pela equipe do projeto. “Elas possuem riqueza científica suficiente para compensar cem anos de exploração.”

O submarino de apenas um piloto utiliza tecnologias criadas pelo próprio Cameron e uma equipe ao longo de oito anos. Cameron tentará a façanha “nas próximas semanas”, porém nenhuma data específica foi revelada. Cameron planeja ficar seis horas no fundo do oceano e coletar amostras biológicas para estudos posteriores.

O público pode acompanhar o progresso de Cameron no site www.deepseachallenge.com.