09/03/2012 - 07h05

"James Cameron que se inspirou em 'John Carter' para criar 'Avatar'", diz representante do autor Edgar Rice Burroughs

Estefani Medeiros*
Do UOL, em São Paulo
  • Jim Sullos segura o livro "Tarzan", de Edgar Rice Burrouhgs

    Jim Sullos segura o livro "Tarzan", de Edgar Rice Burrouhgs

No ano em que comemora seu centenário, "A Princesa de Marte", livro do escritor norte-americano Edgar Rice Burroughs, chega aos cinemas nesta sexta (9) como "John Carter - Entre Dois Mundos", adaptação dos estúdios Disney. 

Ainda sem ter assistido o filme inteiro, o representante da editora de Edgar Rice Burroughs, Jim Sullos disse em entrevista ao UOL que as comparações com o filme "Avatar", lançado em 2009 por James Cameron, são injustas.

O principal argumento de Sullos, é que a publicação de Burroughs - que também criou o personagem Tarzan - não só influenciou o diretor como a criação de personagens como Super-Homem e a franquia "Star Wars", de George Lucas.

A principal expectativa da editora é que o filme traga novos leitores para Rice, que contabiliza 70 livros e 40 histórias publicadas.  

UOL Cinema: Você já assistiu ao filme, achou a história fiel ao livro?
Jim Sullos: Eu vi vários trailers, mas ainda não o assisti completo. Recebi o script, o analisei e aprovei, mas não participamos do processo de produção. Estou muito ansioso para ver essa adaptação.

UOL Cinema: As pessoas dizem que John Carter é uma copia de “Avatar”, mas não sabem que "John Carter” veio antes.
Jim Sullos: Isso é verdade. Não só “Avatar”, mas temos que relembrar filmes como “Superman”, de 1930. Porque Marte era um planeta pequeno, não tinha gravidade e John Carter dá aqueles saltos altos e faz cenas fantásticas no céu. 

Um pouco mais a frente em 1970, George Lucas disse que se inspirou em Burroughs para criar “Star Wars”. A ideia de que poderia existir uma sociedade com diferentes tipos de pessoas e veículos voadores vem dos livros de Burroughs. E pulando para o século 21, James Cameron claramente se inspirou em Burroughs em diversas das ideias de “Avatar”. Acho que é importante o público saber que John Carter tem cem anos de influência.

UOL Cinema: Os estúdios já pediram os direitos para as próximas sequências?
Jim Sullos: Ainda não há nada definido. É o primeiro filme de John Carter em todos os tempos, então espero que realmente seja um sucesso para que possam ser feitas as sequências. Eu espero em um ano ou dois já poder assistir outro filme sobre John Carter. Burroughs tem 70 livros e 40 histórias curtas. Claro que John Carter é a mais famosa, mas temos muitas outras histórias que também poderiam virar filmes.  

UOL Cinema: O que você espera deste lançamento?
Jim Sullos: Nós esperamos que o filme crie um novo legado para Burroughs, nesses cem anos John Carter foi influência para diversos filmes, acho que agora é sua hora de brilhar.

Assista 10 minutos do filme John Carter: Entre Dois Mundos

Mais sobre o livro

Publicada pela primeira vez em 1912 por Edgar Rice Burroughs, o mesmo criador de Tarzan, a fantasia relata as aventuras do personagem, um soldado do Exército Confederado Americano rebelde na década de 1860, quando misteriosamente acorda em Marte.

A primeira tentativa veio em 1931, quando o renomado diretor de animações para o estúdio Warner, Robert Clampett, quis fazer um desenho com base no primeiro livro (o mesmo da adaptação moderna). Mas as dificuldades de realização abortaram a empreitada, que poderia ter sido o primeiro longa de animação, antes mesmo do clássico da Disney "Branca de Neve e os Sete Anões", de 1937.

  • Além dos livros, o personagem John Carter também ganhou várias versões da Marvel Comics

Por anos, ninguém se atreveu a fazer projetos similares, dada a infinidade de minúcias do enredo. Dificuldades até então aparentemente intransponíveis, apesar do sucesso da história, em particular de uma série da Marvel Comics escrita por Marv Wolfman e ilustrada por Gil Kane (1977-1979).

Com a evolução da tecnologia digital, numa era pós-"Avatar", as ambições, enfim, ganharam eco nas possibilidades de recriar o universo idealizado por Burroughs. Em 2009, saiu o filme "Princess of Mars", inédito no Brasil, mas lançado diretamente em homevideo, devido à precariedade da produção. [Leia texto completo sobre a estreia]

*Com informações da Reuters.