08/05/2012 - 07h00

Ingmar Bergman ganha retrospectiva no CCBB do Rio de Janeiro

Do UOL, em São Paulo
  • Cena de "Gritos e Sussurros", de Ingmar Bergman

    Cena de "Gritos e Sussurros", de Ingmar Bergman

A partir desta terça-feira (8), Ingmar Bergman (1918-2007) ganha retrospectiva no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil) do Rio de Janeiro. Até 10 de junho, serão exibidos cerca de 50 filmes do diretor, definido por Woody Allen como "provavelmente o maior diretor desde a invenção da câmera".

Dentre os longas da mostra estarão do primeiro filme dele, "Crise" (Kris, 1946), ao último, "Saraband" (2003), passando pelos clássicos mais conhecidos do diretor, como "O Sétimo Selo", "Gritos e Sussurros", "Morangos Silvestres", "Sonata de Outono" e "Fanny e Alexander", entre outros. Serão exibidas também obras praticamente inéditas, em cópias trazidas da Suécia, como "O Olho do Diabo" e "Rumo à Felicidade".

Para mergulhar mais fundo no universo de Bergman a mostra oferece o curso "O Cinema de Ingmar Bergman" com o jornalista Sérgio Rizzo, com três aulas (29 a 31/05, 16h às 18h); e um encontro, no dia 9 de junho, às 18h, com Stig Björkman, que dirigiu Imagens de "Playground" (2009) e "...Mas o Cinema é Minha Amante" (2010), e virá ao Brasil especialmente para o evento.

Depois de passar pelo Rio, a mostra irá para São Paulo entre os dias 13 de junho e 15 de julho, e Brasília, entre 19 de junho e 22 de julho. Veja a programação no site do CCBB.


Ingmar Bergman no CCBB do Rio de Janeiro
Quando: De 8 de maio a 10 de junho
Onde: CCBB (Rua Primeiro de Março 66, Centro)
Quanto: R$ 6 e R$ 3 (meia)