UOL Entretenimento Cinema
 
12/09/2010 - 21h08

Morre ator americano Kevin McCarthy, um veterano de Hollywood

LOS ANGELES, 12 Set 2010 (AFP) -O ator americano Kevin McCarthy, um dos veteranos de Hollywood imortalizado pelo filme "Vampiros de Alma", morreu no sábado aos 96 anos, informou o Los Angeles Times neste domingo.

O ator morreu por causas naturais no hospital Cape Cod, em Massachusetts, publicou o jornal.

O empresário do ator não pôde ser contatado pela AFP para confirmar a informação.

Kevin McCarthy, nascido em 1914 em Seattle, atuou em cerca de 50 filmes, em várias séries de televisão e peças de teatro.

Estreou na Broadway no fim dos anos 1930 e foi um dos fundadores da escola de interpretação Actors Studio em Nova York.

Em 1949, interpretou Biff Loman em "A Morte do Caixeiro Viajante", e dois anos mais tarde interpretou o mesmo papel na adaptação cinematográfica da obra. Sua atuação nesse filme, dirigido por László Benedek, rendeu a ele uma indicação ao Oscar em 1951 e o Globo de Ouro.

Mas foi seu papel como o doutor Miles Bennell em "Vampiros de Alma", de Don Siegel (1956), que o levou à fama.

O filme, que retrata a história de moradores de um pequeno povoado americano que perdem sua identidade e começam a se comportar como seres sem emoções ou sentimentos, foi uma obra cultuada em plena Guerra Fria, e é hoje considerada uma obra-prima entre os filmes de terror e ficção científica.

Kevin McCarthy também atuou em "Os Desajustados", de John Huston (1961), e "Piranha", de Joe Dante, em 1978.

O ator participou de algumas séries de televisão como "Além da Imaginação" e "Flamingo Road".

Até alguns meses atrás, seu nome ainda figurava na programação dos cinemas, com o filme "Lembranças", com Robert Pattinson e Emilie de Ravin.

Siga UOL Cinema

Sites e Revistas

Arquivo

Hospedagem: UOL Host