UOL Entretenimento Cinema
 
14/04/2005 - 10h02

Para diretor Sidney Pollack, relações homem-mulher são o centro de seus filmes

Lisboa, 14 abr (EFE) - As relações entre um homem e uma mulher ocupam "o centro dos meus filmes, é a forma mais interessante de trabalhar", afirmou o diretor americano Sydney Pollack em entrevista publicada nesta quinta-feira pelo "Diário de Notícias".

"Penso que é o aspecto no qual os seres humanos não mudam, inclusive quando são velhos. Um homem de 80 anos continua perguntando-se sobre as dificuldades em manter relações amorosas", acrescentou.

Pollack assinalou que em seu último filme, protagonizado por Nicole Kidman, começou a trabalhar "sem argumento e o ia escrevendo segundo avançava a filmagem".

Revelou que conseguiu convencer o secretário-geral das Nações Unidas, Kofi Annan, a permitir que gravassem na sede da organização internacional.

"Filmar na ONU era para mim uma questão de autenticidade, foi um encontro com o lugar, e inclusive sentimos ali os objetivos primordiais, a nobreza e ideais dos pais fundadores", disse.

Pollack acrescentou que "esse espírito acabou por estar presente na filmagem e afetou os atores, eu próprio e também o diretor de fotografia, Darius Khondji".

O diretor disse que espera terminar no outono um documentário dedicado ao arquiteto Frank Gehry, a quem classificou de "um criador interessantíssimo, selvagem, seu trabalho me fascina".

Compartilhe:

    Siga UOL Cinema

    Sites e Revistas

    Arquivo

    Hospedagem: UOL Host