UOL Entretenimento Cinema
 
12/05/2005 - 12h01

Mercado de Cannes tem aumento de 10% no número de participantes

Cannes (França), 12 mai (EFE) - A 46ª edição do Mercado de Cannes, considerado o mais importante do mundo, foi inaugurada nesta com um aumento de 10% no número de participantes em relação ao ano passado.

A declaração foi dada pelo diretor do festival, Jerome Paillard, que afirmou que desta vez chegaram à cidade da Côte d'Azur 8.281 participantes de 79 países. As nações que aumentaram mais sua atividade em Cannes são os Estados Unidos e a Grã-Bretanha.

Entre as novas nações inscritas neste ano estão Jordânia, Vietnã, Senegal, Nigéria, Macedônia, Camarões e Costa do Marfim. Um total de 3.507 filmes serão propostos a 1.384 compradores.

Catherine Deneuve dá este ano a Lição de Ator

Cannes (França), 12 mai (EFE) - A atriz francesa Catherine Deneuve será a encarregada este ano de dar a Lição de Ator, que se iniciou em 2004 no marco de Festival de Cannes e tem como objetivo render homenagem aos comediantes.

No ano passado, o encarregado desta lição foi o sueco Maz Von Sydow.

Deneuve relatará suas experiências com grandes diretores, como Luis Buñuel, Roman Polanski, Jacques Demy, François Truffaut, Manoel de Oliveira e Lars Von Trier.

Longas-metragens restaurados

Cannes (França), 12 mai (EFE) - Dez longas-metragens restaurados serão apresentados nesta edição do Festival Internacional de Cinema de Cannes.

Entre eles estão "Marty", de Delbert Mann, Palma de Ouro em 1955; "Appunti per una orestiada africana", de Pier Paolo Pasolini; "Le feu follet", de Louis Malle; "Bullit", de Peter Yates e "The last waltz", de Martin Scorsese. EFE op ca

Abbas Kiarostami, presidente da "Câmera de Ouro"

Cannes (França), 12 mai (EFE).- O cineasta iraniano Abbas Kiarostami preside neste ano o juri que outorga a "Câmera de Ouro", prêmio que se entrega a um filme de estréia projetado no Festival de Cannes.

A fita vencedora ganhará uma campanha de marketing avaliada em 160 mil euros.

Reunião de produtores

Cannes (França), 12 mai (EFE) - A organização Producers Network, criada no ano passado no marco do Mercado de Cannes, tem como objetivo prioritário favorecer as oportunidades de co-produção internacional e ajudar os produtores de todo o mundo a reforçar suas redes de contatos.

Neste ano, estão presentes em Cannes 400 produtores que, ao longo das duas semanas de evento, terão oportunidade de conhecer novos projetos em reuniões diárias.

Compartilhe:

    Siga UOL Cinema

    Sites e Revistas

    Arquivo

    Hospedagem: UOL Host