14/07/2011 - 22:50 - Atualizado em: 14/07/2011 - 22:52

Jaume Collet-Serra vai dirigir nova versão de "Akira"

Joe Martinez/PictureLux/Brainpix News-image

O diretor Jaume Collet-Serra na pré-estreia de "Desconhecido", em Westwood (Califórnia) (16/2/11)

Los Angeles (EUA.), 14 jul (EFE).- O diretor espanhol Jaume Collet-Serra vai realizar para Warner Bros. uma adaptação para o cinema de "Akira", um mangá transformado posteriormente em um filme de animação japonês, informou nesta quinta-feira a revista "Variety".

O estúdio adquiriu os direitos de uso da história original de Katsushiro Otomo por meio da editora japonesa Kodansha em 2008, por uma quantia milionária. Porém, a produção não deu certo porque em maio Albert Hughes, que figurava como diretor, deixou o projeto alegando divergências.

A Warner já trabalhou com Collet-Serra em "A Casa de Cera" (2005), "A Órfã" (2009) e "Desconhecido" (2011), filmes rentáveis com as quais o cineasta impressionou o estúdio.

O diretor prepara, além disso, "Harker" para estrear em 2014, um longa que será distribuído pela Warner e produzido pela Mad Hatter Entertainment e Appian Way, empresa de Leonardo DiCaprio que também participou da produção de "A Órfã".

A nova versão de "Akira" conta com um orçamento de cerca de US$ 90 milhões, a maior soma que Collet-Serra já conseguiu para um de seus filmes.

A trama transcorre em uma nova Manhattan e gira em torno do líder de um grupo de motociclistas que salva um de seus amigos que ia ser submetido a um experimento.

O longa de animação de 1988, baseado também no romance gráfico de Otomo que foi publicado pela primeira vez em 1981, passa no Japão pós-Segunda Guerra Mundial e se tornou um filme de arte.