UOL Entretenimento Cinema
 

06/12/2011 - 16h32

Documentário brasileiro "O Samba Que Mora Em Mim" é apresentado em mostra de cinema em Lisboa

  • Cena do filme O Samba que Mora em Mim, de Georgia Guerra-Peixe, sobre o morro da Mangueira

    Cena do filme "O Samba que Mora em Mim", de Georgia Guerra-Peixe, sobre o morro da Mangueira

Lisboa, 6 dez (EFE).- Comédias, dramas e filmes de animação latino-americanos integram uma heterogênea mostra de cinema que ganha as telas do Cinema São Jorge, em Lisboa, nesta terça-feira (6).

A segunda edição da Mostra de Cinema da América Latina aproxima nesta semana o público português à nova realidade cinematográfica do lado de cá do Atlântico com a exibição de longas-metragens, curtas e um debate que contará com a participação de alguns dos realizadores.

Ao todo, são nove obras procedentes de nove países latino-americanos, encarregadas de divulgar na capital portuguesa os novos talentos cinematográficos da região.

O Brasil será representado pelo documentário "O Samba Que Mora Em Mim", da diretora Georgia Guerra-Peixe. A obra, lançada em fevereiro deste ano, aborda depoimentos de moradores do Morro da Mangueira, no Rio de Janeiro.

Trailer do filme "O Samba Que Mora em Mim"

Os demais filmes são o peruano "Las Malas Intenciones", o argentino "Dos Hermanos", o colombiano "Pequeñas Voces", o paraguaio "Universo Servilleta", o chileno "El Regalo", o uruguaio "Jamás Leí a Onetti", o mexicano "Hidalgo fi La Historia Jamás Contada" e o cubano José Martí: El Ojo del Canario".

O ciclo foi organizado pela Casa da América Latina em Portugal e levou a Lisboa a produtora peruana Rosario García-Montero e a brasileira María João Mayer, que conversarão nesta quarta-feira em público e com o crítico de cinema português José Vieira Mendes sobre os novos caminhos do cinema no continente.

Veja mais

Siga UOL Cinema

Sites e Revistas

Arquivo

Hospedagem: UOL Host