11/05/2011 - 13h30

Al Pacino fará mafioso Dellacroce no filme "Gotti"

  • O ator Al Pacino chega para a première de "Righteous Kill" em Roma, na Itália (16/9/2008)

    O ator Al Pacino chega para a première de "Righteous Kill" em Roma, na Itália (16/9/2008)

LOS ANGELES, EUA - Depois de ficar famoso no papel do mafioso fictício Michael Corleone na célebre trilogia "O Poderoso Chefão", Al Pacino agora vai representar um mafioso da vida real.

O ator de 71 anos, que era desconhecido quando foi escolhido para atuar em "O Poderoso Chefão", em 1972, entrou para o elenco de "Gotti: Three Generations", no papel de Neil Dellacroce, um subchefe da família criminosa Gambino e associado de Gotti, anunciaram os produtores do filme na terça-feira.

Pacino recebeu indicações ao Oscar por suas atuações em "O Poderoso Chefão" e "O Poderoso Chefão II", mas só levou seu primeiro Oscar anos mais tarde, pelo filme de 1992 "Perfume de Mulher".

Em "Gotti", ele se juntará a John Travolta no papel do falecido John Gotti, Joe Pesci no papel de Angelo Ruggiero, amigo íntimo de Gotti, e Lindsay Lohan como Kim Gotti, mulher do filho de Gotti, também chamado John.

A mulher de Travolta, Kelly Preston, e a filha deles, Ella Bleu, farão respectivamente a mulher de Gotti pai, Victoria, e a filha deles, Angel.

O filme contará a história do infame mafioso norte-americano John Gotti, que se tornou chefão da família criminosa nova-iorquina Gambino, e de seu relacionamento a família e seu filho, John Gotti Jr., que passou a comandar a família Gambino e vendeu os direitos sobre a história de sua vida.

Conhecido como "Teflon Don", Gotti morreu de câncer em 2002, enquanto cumpria pena de prisão perpétua por homicídio, extorsão e sonegação fiscal.

Ainda não foi escolhido o ator que fará John Gotti Jr. As filmagens estão previstas para começar este ano, sob a direção de Barry Levinson.