Cinema

"Invocação do Mal" estreia em primeiro lugar nas bilheterias brasileiras

Do UOL, em São Paulo

O filme de terror "Invocação do Mal" assumiu a liderança na bilheterias logo ao estrear nos cinemas brasileiros, segundo informações da consultoria Rentrak nesta terça-feira (17). Os dados são referentes ao período entre 13 e 15 de setembro.

TRAILER LEGENDADO DE
"INVOCAÇÃO DO MAL"

Dirigido por James Wan, mesmo de "Jogos Mortais" e "Sobrenatural", o longa arrecadou mais de R$ 4 milhões no primeiro fim de semana em cartaz, em quase 400 salas no Brasil.

O filme traz a história de uma família que se muda para uma casa afastada da civilização. A crianças mais nova faz um amigo imaginário e os objetos da casa começam a se mexer sem explicação. A mãe da família, interpretada pela atriz Lili Taylor ("Alta Fidelidade"), chama um casal de investigadores paranormais. Em São Paulo, o filme teve pré-estreia para convidados em um casarão "assombrado" da avenida Paulista.

"Invocação do Mal" ultrapassou a animação "Aviões", de Klay Hall, que teve estreia também na última sexta-feira. "Aviões" arrecadou o total de R$ 3.998.172, em 628 salas do país.

Com vozes de Dane Cook e Teri Hatcher, "Aviões" retrata a vida do aviãozinho pulverizador Dusty, que tem medo de altura e está acostumado apenas a planar acima das plantações, mas recebe a chance de competir em uma corrida mundialmente famosa.

"O Ataque" que estava na primeira posição no último fim de semana, ficou em terceira posição com arrecadação de R$ 1,6 milhão. O acumulado, após duas semanas em cartaz, é de R$ 6,3 milhões.

TRAILER LEGENDADO DE "AVIÕES"

Estrelado por Jamie Foxx, Channing Tatum e Maggie Gyllenhaal, "O Ataque" traz o policial John Cale (Channing Tatum) que acaba de ser recusado para o emprego dos sonhos no serviço secreto norte-americano: proteger o presidente James Sawyer (Jamie Foxx). Sem querer decepcionar sua filha com a notícia, ele a leva para fazer um tour pela Casa Branca, mas o local é invadido por um grupo paramilitar armado.

A comédia "Os Estagiários", com Vince Vaughn e Owen Wilson, ficou em quarto lugar, arrecadando R$ 1,3 milhão no fim de semana. O acumulado, em três semanas de exibição é de R$ 7,4 milhões.

Em quinto lugar no ranking, a estreia "Dose Dupla", estrelado por Denzel Washington e Mark Wahlberg, arrecadou R$ 1 milhão, em seu primeiro fim de semana.

O filme traz os atores como agente do serviço anti-drogas norte-americano e oficial de inteligência da marinha dos EUA. Eles acabam investigando um ao outro depois de se infiltrarem em um esquema da máfia. Eventualmente, descobrem que cada um está trabalhando secretamente e passam a se ajudar 

Em sua segunda semana em cartaz, "Jobs" ficou em nono lugar, arrecadando R$ 636.401 no fim de semana. O acumulado soma R$ 2,3 milhões.

Bilheterias no Brasil no último final de semana (e acumuladas)

1 - "Invocação do Mal" - R$ 4.190.292 (acumula R$ 4.190.292)
2 - "Aviões" - R$ 3.998.172 (acumulado de R$ 3.998.172)
3 - "O Ataque" - R$ 1.607.747 (acumulado de R$ 6.318.798)
4 - "Os Estagiários" - R$ 1.319.298 (acumulado de R$ 7.474.496)
5 - "Dose Dupla" - R$ 1.025.630 (acumulado de R$ 1.025.630)
6 - "Rush - No Limite da Emoção" - R$ 1.015.215 (acumulado de R$ 1.015.215)
7 - "Gente Grande 2" - R$ 893.772 (acumulado de R$ 14.667.789)
8 - "Percy Jackson e o Mar de Monstros" - R$ 806.341 (acumulado de R$ 25.219.236)
9 - "Jobs" - R$ 636.401 (acumula R$ 2.394.049)
10 - "Cine Holliúdy" - R$ 279.616 (acumulado de R$ 3.400.405)

$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo