Cinema

Atualizada em 13.01.2014 13h27

U2 vence melhor canção no Globo de Ouro por "Mandela"

Do UOL, em São Paulo

O U2 levou o prêmio de melhor canção no Globo de Ouro 2014 por "Ordinary Love", do filme "Mandela". O filme, estrelado por Idris Elba, reconta a vida do ex-presidente sul-africano, morto recentemente.

Os quatro membros da banda irlandesa, Bono, Adam Clayton, The Edge e Larry Mullen, subiram ao palco para agradecer. "Ele é um homem que mudou nossas vidas", disse Bono, conhecido por seu engajamento em causas humanitárias.

Em 2013, o prêmio também foi para um artista pop: Adele, pela música-tema de "007: Operação Skyfall".

Destaque para "Trapaça"

Com três prêmios --melhor filme de comédia ou musical, melhor atriz (Amy Adams) e melhor atriz coadjuvante (Jennifer Lawrence), "Trapaça" foi o destaque cinematográfico do Globo de Ouro 2014, em uma edição marcada por prêmios "espalhados" entre diversos concorrentes. O filme também concorria, mas não levou, nas categorias de direção (David O. Russel), roteiro (David O. Russel), ator de comédia ou musical (Christian Bale) e ator coadjuvante (Bradley Cooper).

Os demais prêmios foram divididos entre os outros concorrentes, com o prêmio de melhor filme de drama para "12 Anos de Escravidão". Antes considerado favorito, o filme de Steve McQueen levou apenas um troféu.

"Gravidade", que também era forte candidato, inclusive ao prêmio de melhor atriz para Sandra Bullock, teve apenas um prêmio para o diretor Alfonso Cuarón, que fez piada com seu sotaque de mexicano e com os mal-entendidos causados por ele durante a produção, algo que ele disse acreditar que os colegas da Associação de Críticos Estrangeiros de Hollywood " já passaram".

Veja o trailer do filme "Mandela"

"Ela", que concorria entre os filmes de comédia e musical, levou apenas o Globo de roteiro, para o diretor e roteirista Spike Jonze.

Prêmios de atuação

Leonardo DiCaprio, em sua décima indicação e segundo prêmio, venceu como melhor ator de comédia ou musical por "O Lobo de Wall Street" e fez piada por ter sido indicado como "comediante". Esta foi a única estatueta do filme de Martin Scorsese.

Já entre os atores de filmes dramáticos, o premiado foi Matthew McConaughey, por "Dallas Buyers Club", que também teve Jared Leto premiado como ator coadjuvante. Esta foi a primeira indicação dos dois atores, que interpretam, respectivamente, um cafetão que começa a ajudar aidéticos a conseguirem medicação depois de também ser diagnosticado com Aids e um transexual.

Cate Blanchett, principal atrativo de "Blue Jasmine", de Woody Allen, também foi responsável por "roubar" o prêmio de atriz dramática, que muitos já consideravam de Sandra Bullock. Blanchett interpreta a personagem título de "Blue Jasmine", uma ricaça falida e surtada que vai morar com a irmã depois que seu marido é preso por fraude.

Outros prêmios

A vitória de Blanchett casou bem com o prêmio honorário da noite, oferecido a Allen pelo conjunto de sua carreira. Conhecido por sua aversão a premiações, Allen não compareceu e foi representado por sua ex-musa e ex-mulher Diane Keaton, que ressaltou justamente a qualidade das personagens femininas de Allen, desde a sua Annie Hall (de "Noivo Neurótico, Noiva Nervosa") até "Blue Jasmine", que já foram interpretadas por "179 das melhores atrizes, simplesmente porque elas quiseram representá-los". O cineasta não escapou de ser alvo de uma piada de Emma Stone, que apresentou o prêmio Cecil B. DeMille. "Você é realmente problemático", brincou a atriz, ao relembrar filmes e personagens do cineasta.

Indicado à Palma de Ouro em Cannes, "A Grande Beleza", de Paolo Sorrentino, bateu seu oponente francês "Azul É a Cor Mais Quente" e ficou com o Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro. Já "Frozen: Uma Aventura Congelante" conseguiu conquistar a crítica estrangeira de Hollywood e venceu o prêmio de melhor animação, apesar de ter estreado nos Estados Unidos apenas no fim de 2013.

O prêmio de trilha sonora ficou com Alex Ebert, por "Até o Fim", estrelado por Robert Redford.

TV

Nas categorias televisivas, o destaque ficou, previsivelmente, com "Breaking Bad". A série, que terminou em 2013, venceu como melhor série de drama e teve seu protagonista Bryan Cranston escolhido como melhor ator de série dramática. Inédita no Brasil, a comédia "Brooklyn Nine-Nine" levou as categorias melhor série e melhor ator de comédia ou musical (Andy Samberg). O filme televisivo "Behind the Candelabra", de Steven Soderbergh, também levou dois Globos: melhor filme para TV e melhor ator de filme ou minissérie para TV (Michael Douglas).

Veja os vencedores do Globo de Ouro 2014: 

CINEMA

Melhor filme de drama
"12 Anos de Escravidão

Melhor filme de comédia/musical
"Trapaça"

Melhor direção
Alfonso Cuarón, por "Gravidade"

Melhor roteiro
Spike Jonze, por "Ela"

Melhor atriz de drama
Cate Blanchett, por "Blue Jasmine"

Melhor atriz de comédia/musical
Amy Adams, por "Trapaça"

Melhor ator de drama
Matthew McConaughey, por "Dallas Buyers Club"

Melhor ator de comédia/musical
Leonardo DiCaprio, por "O Lobo de Wall Street""

Melhor atriz coadjuvante
Jennifer Lawrence, por "Trapaça"

Melhor ator coadjuvante
Jared Leto, por "Dallas Buyers Club"

Melhor animação
"Frozen - Uma Aventura Congelante"

Melhor filme estrangeiro
"A Grande Beleza" (Itália)

Melhor trilha sonora
"Até o Fim"

Melhor canção original
"Ordinary Love", de U2 ("Mandela")

TV

Melhor série de drama
"Breaking Bad"

Melhor série de comédia ou musical
"Brooklyn Nine-Nine"

Melhor minissérie ou filme feito para a TV
"Behind the Candelabra"

Melhor atriz de série dramática
Robin Wright - "House of Cards"

Melhor ator em série dramática
Bryan Cranston - “Breaking Bad”

Melhor atriz em série de comédia ou musical
Amy Poehler - “Parks and Recreation”

Melhor ator em série de comédia ou musical
Andy Samberg - “Brooklyn Nine Nine”

Melhor atriz em minissérie ou filme feito para a TV
Elisabeth Moss - "Top of the Lake"

Melhor ator em minissérie ou filme feito para a TV
Michael Douglas - "Behind the Candelabra"

Melhor atriz coadjuvante em série, minissérie, ou filme para a TV
Jacqueline Bisset - "Dancing on the Edge"

Melhor ator coadjuvante em série, minissérie, ou filme para TV
Jon Voight - "Ray Donovan"

$!$render-component.split('/')[$math.sub($render-component.split('/').size(), 1)]

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo