Cinema

"Estou atordoado", diz Steve Martin sobre a morte de Robin Williams

Do UOL, em São Paulo

O comediante e ator Steve Martin comentou a morte do amigo Robin Williams no Twitter nesta segunda (11). "Eu não poderia estar mais atordoado. Grande talento, parceiro de atuações e alma genuína", escreveu.

Williams, famoso por papeis em filmes como "Patch Adams - O Amor é Contagioso" e "Sociedade dos Poetas Mortos", morreu na manhã desta segunda-feira (11), aos 63 anos. De acordo com o site TMZ, o corpo dele foi encontrado em sua casa, em Tiburon, na Califórnia, sem sinais vitais. A suspeita das autoridades é que a morte tenha sido causada por asfixia. 

Vencedor do Oscar de ator coadjuvante por "Gênio Indomável" (1997), Robin Williams se internou no mês passado em uma clínica de reabilitação. Ele estava em um setor da Hazelden Addiction Treatment Center, em Minnesota, que possui um programa focado em manter a sobriedade por um longo prazo --Williams lutava contra o vício de cocaína e álcool há décadas. Em 2006, o ator ingressou voluntariamente em uma clínica de reabilitação para tratar o alcoolismo depois de uma recaída após 20 anos de sobriedade.

Quem ainda comentou a morte foi o presidente norte-americano Barack Obama, por meio de comunicado. “Robin Williams era um aviador, um médio, um gênio, uma babá, um presidente, um professor, um Peter Pan, e tudo no meio. Mas ele era um tipo único. Ele chegou às nossas vidas como um alien – mas acabou tocando todos os aspectos do espírito humano. Ele nos fez rir. Ele nos fez chorar. Ele deu seu talento imensurável gratuitamente e generosamente para aqueles que mais precisavam – de nossas tropas no exterior a marginais nas nossas ruas. Nossas condolências, da família Obama, a sua família, amigos e todos que encontraram sua voz graças a Robin Williams.”

"Robin era uma tempestade de genialidade cômica e nossa risada era o trovão que o sustentava. Ele era um amigo e não acredito que ele se foi", disse o cineasta Steven Spielberg. "Nós perdemos uma das mentes mais inspiradas e dotadas da comédia, além de um dos maiores atores dessa geração. Suas performances eram diferentes de tudo que já vimos, elas vinham de lugares espirituais e sobrenaturais", comentou o diretor de "Uma Babá Quase Perfeita" (1993), Chris Columbus. "Ele merecia verdadeiramente o título de 'gênio'. Fomos amigos por 21 anos. Nossos filhos cresceram juntos. Ele nos inspirou a ir morar em San Francisco. Eu o amava como um irmão. O mundo era um lugar melhor com Robin nele. E seu legado lindo viverá para sempre."

Além de Steve, Obama, Spielberg e Columbus, outras celebridades - comediantes, músicos, atores, jogadores de futebol, entre outros - lamentaram o ocorrido. Veja abaixo a repercussão no Twitter:

"Gênio, você está livre", publicou o Twitter da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, que entrega o Oscar

"Eu não poderia estar mais atordoado pela morte do Robin Williams. Grande talento, parceiro de atuações e alma genuína", escreveu o ator, comediante e amigo de longa data.

"Não dá para suportar essa notícia. Nunca chorei pela morte de quem eu não nunca conheci, mas nesse caso eu não consigo parar", escreveu a cantora.

"Não consigo acreditar nessa notícia. Ele deu tanto às pessoas. Estou com o coração partido", escreveu a comediante e apresentadora.

"Robin era um cara tão doce quanto era engraçado. Se você está triste, conte a alguém", escreveu o apresentador norte-americano.

"Que perda trágica. Eu sempre terei lembranças incríveis dele. Respeito e amor à sua família", escreveu o roqueiro.

"Descanse em paz, Robin Williams. Um homem gentil e generoso", escreveu o baixista do Kiss.

Descanse em paz. Que dia triste. Orações à sua família e aos amigos", escreveu o líder do Whitesnake.

"Robin Williams fez com que o mundo fosse um pouco melhor. Descanse em paz", escreveu o ator e comediante.

"Descanse em paz, senhor Williams. Mais do que um grande talento, uma pessoa muito gentil e doce", escreveu o ator. "Robin Williams se foi. Que tristeza. Está chovendo em Ohio. O conheci rapidamente e ele tinha luz nos olhos! Era adorável!", escreveu o músico.

"Triste em saber da trágica morte de Robin Williams. Passei bastante tempo com ele e até nos apresentamos juntos em São Francisco. Muito triste", escreveu o apresentador de televisão e radialista.

"Descanse em paz, Robin Williams. Meu capitão!", escreveu o jogador de futebol espanhol.
Topo