Topo

Filmes e séries


Ausente no festival, Irandhir Santos é aplaudido em cena aberta em Paulínia

O ator Irandhir Santos é um artista que vive em um comunidade do sertão pernambucano, parada no tempo, em "A Historia da Eternidade" - Divulgação
O ator Irandhir Santos é um artista que vive em um comunidade do sertão pernambucano, parada no tempo, em "A Historia da Eternidade" Imagem: Divulgação

Tiago Dias

Do UOL, em Paulínia

27/07/2014 16h38

Antes de Fernanda Montenegro ser ovacionada no Festival de Paulínia, Irandhir santos foi aplaudido por duas vezes em cena aberta durante exibição do filme "A História da Eternidade", do pernambucano Camilo Cavalcante, na noite de sábado (26).

Ator com carreira consolidada no cinema autoral, Irandhir começa agora a ser reconhecido por outro público graças ao magnetismo de sua atuação na novela "Meu Pedacinho de Chão". Muitos desses fãs ficaram frustrados com sua ausência durante a exibição, mas foi aclamado mesmo assim. 

No filme de Camilo, Irandhir é um artista que vive em um comunidade do sertão pernambucano, parada no tempo. A cena em que seu personagem dança ao som de "Fala", de Secos e Molhados, é antológica e comoveu o público. 

Em um pequeno vilarejo no Sertão, três histórias de amor e desejo revolucionam a paisagem afetiva de seus moradores. A paisagem árida serve como metáfora na vida desses personagens.

 O momento epifânico é reforçado no movimento de câmera. "Estabeleci um dogma de não mexer na câmera antes da cena musical com Irandhir. Esse movimento começa lentamento aos 50 minutos do filme, quando a câmera começa a se mexer e circula ao redor de Irandhir. Quando a câmera se mexer, tudo começa a rodar. Queria que o espectador voasse junto. Acho que deu certo".

Mais Filmes e séries