Cinema

Eddie Redmayne ganha Oscar ao viver Stephen Hawking em "A Teoria de Tudo"

Do UOL, em São Paulo

O inglês Eddie Redmayne levou a estatueta de melhor ator no Oscar 2015, por sua atuação em "A Teoria de Tudo”. É o primeiro Oscar do ator, que concorria na categoria com Michael Keaton ("Birdman”) --considerado favorito--, Steve Carell ("Foxcatcher"), Bradley Cooper ("Sniper Americano") e Benedict Cumberbatch ("O Jogo da Imitação").

Em "A Teoria de Tudo”, Redmayne interpreta o físico Stephen Hawking na juventude, quando ele começou a fazer suas primeiras descobertas e foi diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica. Doença severa que, não entanto, não o impediu de se tornar um dos mais respeitados cientistas do mundo.

Visivelmente emocionado, Redmayne dedicou a estatueta a Stephen Hawking. "Estou a par de que tenho muita, muita sorte. Isso pertence a pessoas ao redor do mundo que lutam contra a esclerose", discursou, antes de prometer que seria o guardião da estatueta, que na realidade deveria ser de Hawking.

Apesar se destacar justamente por como retratou a doença do personagem, Redmayne afirmou que não queria que o foco ficasse na parte física. “Não queria que o filme fosse sobre a fisicalidade, queria que isto estivesse tão assimilada para que fosse sobre a história e não sobre a doença”, disse ele na sala de imprensa, sobre sua extensa pesquisa antes das filmagens.

Em 2014, o Oscar de melhor ator foi para Matthew Mcconaughey, por "Clube de Compras Dallas".

A 87ª cerimônia do Oscar foi realizada na noite deste domingo (22), no Dolby Theatre, em Hollywood, Los Angeles.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Roberto Sadovski
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
Reuters
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
Cinema
Reuters
do UOL
Reuters
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
UOL Entretenimento
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
Erratas
do UOL
do UOL
UOL Cinema - Imagens
Redação
UOL Entretenimento
do UOL
Erratas
do UOL
Erratas
Roberto Sadovski
do UOL
Cinema
do UOL
Roberto Sadovski
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
EFE
Roberto Sadovski
Topo